Foz do Iguaçu, destino turístico muito acessível

Foz do Iguaçu

Foz do Iguaçu fica na tríplice fronteira (Brasil, Argentina e Paraguai) tem muito mais para oferecer do que você imagina. Eu pensava que seria uma cidadezinha pequena e que a única atração era a catarata. Mas se você pensar no conjunto todo dos 3 países (Brasil, Argentina e Paraguai) vai render um ótimo passeio.

Cataratas – Lado Argentino

Para visitar as cataratas escolhemos o lado Argentino, por ser maior do que o de Foz do Iguaçu. É pertinho e dá tranquilo para dormir em Foz do Iguaçu e fazer um bate-volta. Aliás já deixo aqui uma dica: os hotéis do lado brasileiro são bemmm baratos.

Se você tem dúvidas quanto a fronteira leia nosso post http://www.fuinamala.com.br/fronteira-da-argentina-de-carro/

Entrada

Uma vez dentro da Argentina (Puerto Iguazú) siga pela rota 12 em direção ao Parque Nacionale Iguazú. O estacionamento e a entrada são pagos em pesos apenas. Estacionamento 100 pesos. Entrada estrangeiros 500, Brasileiros e outros participantes do Mercosul 400. Argentinos 260 pesos. Criancas brasileiras pagam 100 pesos. Leve um documento pessoal (rg ou passaporte).

Não compre pesos no Brasil. Na avenida principal de Puerto I guazu você já encontra casas de cambio com valores bem melhores. Leve em reais ou em dólares (se preferir). Dentro do parque aceitam cartões de credito e outras moedas (mas nem sempre o câmbio pratica pela loja é bom).

Parque Nacionale Iguazú

O parque abre todos os dias do ano a partir das 8h com permanência até as 18h. O parque é grande, maior que o lado brasileiro. Então reserve o dia todo. Se quiser fazer uma segunda visita no dia seguinte eles dão 50% de desconto.
O site do parque é www.iguazuargentina.com
A estrutura do local é ótima. Mapas, sinalizações e vários funcionários. Para quem não quer andar muito a pé tem um trenzinho que leva até o ultimo ponto do passeio. As passarelas são bem construídas, inclusive recomendo como um bom passeio para idosos.

Atrações

Principais pontos de visitação: Garganta del Diabo – Isla San Martin – Circuito Superior – Circuito Inferior.
Na minha opinião não tem melhor ou pior, visite todos! A Isla estava fechada quando fomos, mas do resto andamos por tudo.

Garganta del Diabo

Circuito Superior



Circuito Inferior

Macuco (passeio de barco)

Além dos principais pontos de quedas o caminho é cheio de outras pequenas cachoeiras.

Nesse passeio você também vai encontrar muitos animais soltos como quatis, iguanas e lagartos. Apesar de fofinhos cuidado os quatis mordem!!! Não alimente os animais.




Dicas de ouro:

1- Faz muito calor lá! Principalmente em janeiro quando fomos. As mulheres costumam ir de biquíni por baixo da roupa, ou uma roupa de ginástica para aproveitar as duchas espalhadas ao longo do parque.
2- Leve água, protetor solar e repelente.
3- Se for fazer o passeio do Macuco(passeio de barco embaixo das cataratas) leve uma troca de roupa. Todo mundo sai encharcado. Super recomendo esse passeio.
4- Não deixe pra fazer aquele lanchinho na saída, a maioria dos restaurantes do parque já vão estar fechados ou com poucas opções.
5- Vá de tênis e leve boné/chapéu.
6- Uma mochila de costas é o mais recomendável.
7- Se tiver uma capinha plástica para sua câmera/celular pode ser útil já que há muitos respingos das cachoeiras.

Valores acessíveis

1- Dá para ir tranquilo de carro. De Sampa deve ficar uns 900 reais. Se vc dividir em 4, dá uns 225 pra cada.

2- Hotel. Encontramos por 70 reais a diária por casal no Hoteis.com

3- A cotação do peso Argentino costuma ser 5 ou mais. Ou seja a cada 1 real = 5 pesos.

Retorno e outras opções de passeios

Na volta para Foz do Iguaçu há um shopping Duty free na fronteira. Mas se estiver pensando em muitas compras vá ao Paraguai, lá os preços são melhores e tem mais opções.

Para jantar há muitos restaurantes bons, tanto do lado brasileiro quanto do lado argentino. Se escolher o lado argentino vai poder provar uma parrila ou um assado de tiras. Escolhemos o El Quincho del Tio Querido, e apesar de já estarmos um pouco cansados da comida Argentina (depois de um mês viajando) o restaurante nos surpreendeu positivamente.

Tem muito mais para ver por lá. Você pode visitar o lado brasileiro e ver também o parque das Aves. Tem o Icebar, um bar todinho de gelo. A usina de Itaipu. Marco das três fronteiras. Templos e Santuários.

Foz do Iguaçu tem atrações de sobra para curtir um feriadão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *