O que tem de bom para fazer em Ushuaia?

Ushuaia

Ushuaia é a cidade mais austral (mais ao sul) do planeta, por isso ganhou a fama de cidade do fim do mundo. Ela é a capital da província da Terra do Fogo. A província tem esse nome por causa das fogueiras que os nativos dessas terras faziam para avisar a chegada de invasores.

Ushuaia é uma cidade charmosa e acolhedora. A Av. San Martin concentra o maior movimento e tem muitas lojinhas e restaurantes. É uma cidade com ótima estrutura turística, grande rede hoteleira e muitos passeios. E a fama de ser tudo caro é verdadeira sim! Mas com certeza um destino que vale a pena. Só de pensar que você chegou ao fim do mundo já é incrível! Veja o que tem de bom para fazer em Ushuaia…

Nós chegamos em Ushuaia no escuro. Isso significa que chegamos depois das 23h, já que o por do sol no verão é por volta de 22h30. Isso mesmo é muito tempo de luz pra você aproveitar ao máximo.

Hospedagem

Nosso hotel era muito confortável e bonito. Ficamos no Los Nires. É um hotel bonito, todo em madeira, com quartos amplos e bom aquecimento. Apesar de ser verão o clima da Patagonia é imprevisível e sempre faz aquele friozinho. O café da manhã foi o melhor que pegamos em toda a Argentina. Não deixe de provar as medialunas (mini croissants doces).

 

No nosso primeiro dia em Ushuaia fizemos o passeio da Laguna Esmeralda e Cerro Martial, mas esses dois vou escrever num post à parte porque tenho bastante dicas desses passeios.

Nesse post quero me concentrar na cidade de Ushuaia. A cidade tem uma linda vista da baia, onde há uma embarcação encalhada.

Aproveite para caminhar à pé na orla da baia e tirar uma foto na famosa placa do fim do mundo. A região fica cheia de turistas!

 

Nas agências dos correios e em algumas lojas de souvenirs você pode carimbar seu passaporte. Fica muito legal! Tem vários modelos.

Porto

Do Porto de Ushuaia saem os passeios para a Antártida. Quando estávamos lá havia um grande cruzeiro ancorado. Há também excelentes passeios de barco pelo canal Beagle com direito a visita nas pinguineras. O problema é que é tudo muito caro. Se você for com pouca grana, como nosso caso, terá de escolher quais passeios fazer. Recomendo fazer o passeio da pinguinera em Monte Leon que é de graça! Veja o post aqui.

Belezas

Ushuaia é linda, além das construções charmosas pelo grande uso de madeiras há também lindos jardins. Na época que fomos (dez/jan) vimos muitas flores da espécie Lupinus. Tinha de todas as cores, em todos os lugares, até nos acostamentos da pista. Depois que pesquisei mais da flor descobri que é a flor de tremoço. Pra quem nunca comeu tremoço é um grão geralmente comercializado em conserva.

Alimentação

E falando em comida Ushuaia tem o melhor cordeiro que já comi! Você com certeza não pode deixar de experimentar o cordeiro patagônico. Mesmo que você não goste de cordeiro no Brasil, prove o cordeiro patagônico porque é muito diferente e vale mesmo a pena provar. A região também é famosa pela centolla (caranguejo gigante). Como não como frutos do mar não posso indicar. Escolher um restaurante em Ushuaia é uma tarefa árdua. Além das muitas opções é preciso ver o que cabe no seu bolso.

Por indicação do velho amigo tripadvisor escolhemos El Bodegón e saímos satisfeitos. Apesar da casa cheia não ficamos na espera. Demos sorte e sentamos assim que chegamos. Muitos brasileiros frequentam a casa. Eu pedi cordeiro ensopado com cogumelos e claro “papas” fritas (a maioria dos pratos argentinos vem com batata frita). O Thiago pediu cordeiro apimentado.

Ambos estavam excelentes. Ainda bem que não pedimos nenhuma entrada pois o prato principal era bem farturento. Cada prato sai por volta de AR$ 300,00 (bem mais caro que em Buenos Aires).

Mais opções de passeios

Ainda mais ao sul de Ushuaia você vai encontrar o Parque Nacional Tierra del Fuego e O Trem Del Fin del Mundo. O parque é grande e dá pra passar o dia, portanto separe um lanche bacana. Tem várias trilhas e muito contato com a natureza. O trem del fin del mundo desembarca no parque então você pode fazer os dois passeios juntos.

O trem tem máquinas bem antigas e os trilhos carregavam prisioneiros antigamente. Hoje funciona exclusivamente para o turismo e possui uma linda estação de embarque e desembarque. Os dois passeios são pagos.

A entrada no parque é de AR$120,00 (tarifa mercosul). Site do parque https://www.parquesnacionales.gob.ar/areas-protegidas/region-patagonia-austral/pn-tierra-del-fuego/.

E o trem custa AR$ 350. Confira os horários e tarifas no site http://www.trendelfindelmundo.com.ar/es/index.html.

No próximo post você vai conferir dois destinos encantadores: Laguna Esmeralda e Cerro Martial. E o melhor: os dois são de graça!

2 comentários Adicione o seu

  1. Ivelize disse:

    Adorei seu passeio, suas dicas e suas fotos !

    1. Débora Guerzoni disse:

      Obrigado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *